Na morte de José Barata

homenagem jose barata 2José Barata, 97 anos, morreu esta madrugada no Hospital Egas Moniz, em Lisboa. Herói e único sobrevivente da Revolta dos Marinheiros em 1936, foi mandado aos 20 anos para o Campo de Concentração do Tarrafal, onde permaneceu durante 14 anos.

O corpo estará a partir das 17:00 de domingo na capela mortuária da Igreja de Nova Oeiras e o funeral realizar-se-á segunda-feira às 10:00 para o cemitério de Oeiras.

A URAP apresenta as mais sentidas condolências e lamenta o desaparecimento deste antifascista e lutador até ao fim pelos valores da liberdade e da democracia.

 

breve biografia

ver homenagem da URAP, por oacasião do seu 97.º aniversário