XIV Visita Guiada - "Peniche, Lugar de Memória, Resistência e Luta"

xiv visita guiada sta iria peniche 3O núcleo da URAP de Santa Iria de Azóia organizou mais um "convívio de resistentes", a XIV Visita Guiada, desta vez em Peniche e na sua Fortaleza, onde percorreu as antigas celas, o "segredo" e os parlatórios, bem como o percurso da Fuga de 1961, começando pela Exposição Permanente "Peniche, lugar de Memória, Resistência e Luta".

Seis anos após a primeira visita do núcleo à Fortaleza de Peniche, 22 sócios e amigos da URAP contaram com o acompanhamento de André Amador, do núcleo de Peniche, para conduzir a visita, que ocorreu dia 5 de Julho, e participar no almoço que se seguiu.


xiv visita guiada sta iria peniche 2André Amador conduziu em seguida o grupo ao local onde se deu a chamada "Revolta dos Mestres"(1935), junto à Igreja da Ajuda. Esta revolta foi assim chamada, pois o povo levantou-se para exigir a libertação daqueles que encabeçaram um movimento de rebelião perante a política de exploração e miséria imposta pelo regime de então.







xiv visita guiada sta iria peniche 1O restante programa da XIV visita do núcleo Santa Iria de Azóia incluiu deslocações ao Cabo Carvoeiro, Baleal, Barragem de S. Domingos e Atouguia da Baleia, onde teve oportunidade de visitar o CIAB (Centro Interpretativo de Atouguia da Baleia), assistido por uma técnica. Assim os presentes ficaram a conhecer as origens geológicas, históricas e etnográficas, e puderam apreciar o rico património da vila, desde instrumentos de trabalho a usos e costumes da população. Num breve mas bem organizado e interactivo conjunto de quadros explicativos, esta visita ao CIAB foi muito elucidativa.