URAP organiza excursão à cidade do Porto

sede pide porto mais cravos sA URAP organizou nos dias 17 e 18 de Junho uma excursão à cidade do Porto destinada a visitar o projecto museológico "Do Heroísmo à Firmeza", nas instalações da ex-Pide, onde mais de 7.000 antifascistas estiveram presos e foram torturados, e ainda a proporcionar um melhor conhecimento da cidade Invicta.

 

Participaram 55 sócios e amigos na URAP, dos núcleos da Amadora, Algueirão-Mem Martins, Cacém, Queluz e Lisboa, e a visita foi conduzida por Maria José Ribeiro, da direcção da URAP e ex-presa política, e pelo arquitecto Mário Mesquita que supervisiona a obra no actual Museu Militar.

 

No dia 18, realizou-se uma visita-guiada ao Porto, que esteve a cargo da arquitecta Anny Gunther e percorreu o centro histórico, designadamente a Sé Catedral e a Serra do Pilar, em Gaia. Fez-se ainda um cruzeiro às três pontes, no rio Douro, de onde se pôde apreciar as cidades do Porto e de Vila Nova de Gaia.

 

Na véspera, dia 17, os elementos da excursão tinham percorrido os Jardins da Fundação Serralves.