«Caça às Bruxas» na Polónia

Na Polónia, está em curso uma autêntica cruzada contra os direitos e liberdades democráticas. Após a chegada ao poder dos gémeos Kaczynski (Lech é o presidente da República e Jaroslaw assume a chefia do governo) que a lei da «purificação» é uma das prioridades no país.

Com esta lei, jornalistas, universitários, advogados e directores de escola são alguns dos grupos profissionais que estão obrigados a fazer uma «profissão de fé» anticomunista ou a pedir perdão pelo seu passado. Quem se recusar ou prestar falsas informações ficará impedido de exercer a sua profissão durante dez anos.

A lei da «purificação» alargou a um universo de 700 mil cidadãos a obrigação de entregar declarações sobre o seu passado político e as suas convicções ideológicas. Desde 1997 que tal requisito era exigido a deputados, ministros e altos magistrados e funcionários do Estado.