Declaração da FIR - Solidariedade com sindicalistas gregos da PAME

A FIR, a organização internacional de antigos combatentes da resistência, apoiantes, vítimas do

fascismo e antifascistas das gerações de hoje, condena a perseguição contra 35 líderes sindicais da PAME em Atenas. Embora o Ministério Público não tenha encontrado qualquer testemunha para as suas acusações o julgamento continuará em Junho de 2013.

Vemos este julgamento não apenas como um ataque contra os acusados ​​líderes sindicais da PAME e o direito dos sindicatos na Grécia, mas também contra todas as pessoas que lutam contra os cortes sociais, as mudança da lei dos trabalhadores e a actual reversão da liberdade e dos direitos democráticos.

Sabemos pela história: a resolução dos problemas económicos e políticos da sociedade no interesse do povo só pelo resultado da luta activa do movimento dos trabalhadores. Todas as tentativas de diminuir o papel dos sindicatos e seus direitos pioram cada vez mais a situação das pessoas. A crise económica resulta em pobreza e abre as portas ao populismo de direita. Para lutar contra ambos precisamos de sindicatos fortes e activos.

É por isso que FIR declara a sua profunda solidariedade com os 35 dirigentes sindicais da PAME e com o movimento operário. Apelamos também aos membros das nossas federações a expressar sua solidariedade e apoio.

Decisão do comité executivo - Fevereiro 2013
Dr. Ulrich Schneider
Secretário Geral