A URAP em defesa do Forte de Peniche, local histórico da resistência e luta do povo Português

Peniche ESCamarate 2014 2A URAP – União de Resistentes Antifascistas Portugueses, confrontada com a decisão do governo de concessionar o Forte de Peniche a entidades privadas, não pode deixar de manifestar o seu profundo desacordo com uma medida que possa pôr em causa a preservação deste símbolo sinistro da repressão fascista, onde milhares de antifascistas presos foram submetidos a um regime prisional brutal.


A preservação do Forte de Peniche quer como lugar da repressão e da resistência ao fascismo, quer como lugar de esclarecimento para as jovens gerações sobre o que foi a ditadura fascista, é uma exigência de respeito pela memória de todos aqueles que sacrificaram o melhor das suas vidas para que o povo vivesse em liberdade.


A URAP apela aos democratas, aos antifascistas a que intervenham pela preservação do Forte de Peniche como lugar de resistência.